02/06/2020

Agente de portaria é preso suspeito de furtar testes para Covid-19 de anexo da FMS

Segundo a Polícia Civil, os exames estavam sendo negociados por R$ 32 a unidade.

Teste rápido de Covid-19 — Foto: Helene Santos/SVM

Um agente de portaria foi preso nesta segunda-feira (1º) suspeito de furtar 30 testes, lancetas e reagentes para Covid-19 do anexo da Fundação Municipal de Saúde (FMS). Segundo a Polícia Civil, os exames estavam sendo negociados por R$ 32 a unidade.

Segundo o delegado Tales Gomes, coordenador do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco), o agente trabalha em um anexo do Procon, situado no Balão do São Cristóvão, na Zona Leste de Teresina. Neste mesmo prédio há um anexo da Fundação Municipal de Saúde da Prefeitura de Teresina, local de onde foram furtados os produtos.

"O crime ocorreu na noite de quinta-feira (28), quando o agente estava cumprindo escala de serviço e teve acesso à sala onde estavam guardados vários desses testes. Ele estava vendendo os testes por R$ 32 a unidade, momento que nós fizemos a abordagem na casa dele, no bairro Aeroporto", informou o delegado.

O delegado revelou que 30 testes foram recuperados. O investigado responderá por furto qualificado.

O Greco disponibiliza o número de telefone 86 99991-0455 para denúncias anônimas.

Decretos determinam distanciamento social

Para evitar a contaminação pelo vírus, o isolamento social e medidas emergenciais foram determinadas por meio de decretos do governo do estado e das prefeituras, como na capital piauiense, para que a população fique em casa e evite ao máximo ir às ruas. Aulas em escolas e universidades, a maioria das atividades comerciais, esportivas e de serviços em geral estão suspensas por tempo indeterminado.

Serviços essenciais como farmácias, postos de combustíveis e supermercados continuam mantidos mas estão regulamentados. O atendimento em clínicas, hospitais e laboratórios, assim como o funcionamento de escritórios de advocacia e contábeis também foram liberados mediante cumprimento de regras.

O uso de máscaras em locais públicos tornou-se obrigatório em todo o estado. Policiais fazem abordagens nas fronteiras do estado a ônibus e veículos particulares. Os decretos preveem que quem descumprir as regras pode ser penalizado com multa ou até prisão.

Fonte: G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing