07/05/2020

Detentos em prisão domiciliar são presos suspeitos de assalto e carros roubados são recuperados

Segundo a polícia, suspeitos estavam presos e receberam benefício para prisão domiciliar como ação de prevenção à disseminação do coronavírus no sistema penitenciário do Piauí.

Carros roubados foram recuperados pela Secretaria de Segurança do Pública do Piauí — Foto: Reprodução/TV Clube

Dois suspeitos de assalto foram presos e dois carros roubados foram recuperados em ação da Força Tarefa da Secretaria de Segurança Pública do Piauí (SSP-PI) na tarde desta quarta-feira (6). De acordo com a polícia, a dupla responde por outros crimes e está em liberdade depois de ter recebido benefício para prisão domiciliar devido à pandemia da Covid-19.

Uma das prisões aconteceu no bairro Santa Luzia, na Zona Sul de Teresina, e outro em Timon, município maranhense vizinho à capital. “A princípio se tratava de uma ocorrência de roubo de veículo na qual os policiais da Força Tarefa iniciaram as diligências, localizaram os suspeitos e fizeram a abordagem", informou o secretário de segurança Fábio Abreu.

Segundo o secretário, a polícia descobriu que, além do roubo dos carro para prática de assaltos, a intenção de um dos suspeitos seria utilizar o veículo também em uma vingança pela morte de um irmão que foi assassinado.

"O irmão de um deles foi morto por uma facção recentemente e ele utilizaria o veículo para matar o rival", explicou o secretário.

Fábio Abreu afirmou que os suspeitos não estavam cumprindo a prisão domiciliar. "Eles saíram por causa da Covid-19 e não estão cumprindo o isolamento social. Estão praticado crimes, como praticavam antes", declarou.

Decretos determinam distanciamento social
Para evitar a contaminação pelo vírus, o isolamento social e medidas emergenciais foram determinadas por meio de decretos do governo do estado e das prefeituras, como na capital piauiense, para que a população fique em casa e evite ao máximo ir às ruas.

Policiais fazem abordagens nas fronteiras do estado a ônibus e veículos particulares. Escolas, universidades e a maior parte do comércio, assim como serviços públicos, suspenderam as atividades. Os decretos preveem que quem descumprir as regras pode ser penalizado com multa ou até prisão.

Fonte: G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing