01/04/2020

Com 40 leitos clínicos, hospital da PM do PI inicia atendimento de casos suspeitos de Covid-19

Leandro Ponce, diretor Técnico do HPM, disse que o hospital seguirá protocolos para evitar contaminação entre pacientes e funcionários.

Hospital da Polícia Militar. — Foto: Divulgação/Sesapi

O Hospital da Polícia Militar do Piauí começou a receber desde as 13h desta quarta-feira (1º) casos suspeitos de Covid-19. A unidade fica localizada em Teresina, mas fará o atendimento de pacientes de todo o estado exclusivamente no combate ao coronavírus. Há 40 leitos clínicos e três leitos de estabilização.

De acordo com o secretário estadual de saúde, Florentino Neto, toda a adaptação do hospital foi feita em 15 dias.

"Nos últimos 15 dias preparamos o HPM para ser hospital sentinela no estado, com leitos clínicos e de estabilização, mas teremos também leitos de UTI. É um hospital de rede estadual que fará parte da rede de combate à Covid-19", disse.

Alderico Tavares, superintendente de Gestão da Rede de Média e Alta Complexidade da Sesapi, explicou que o hospital ainda deve ampliar a quantidade de leitos durante seu funcionamento.

"Todos os pré-requisitos normativos de vigilância sanitária e de fluxo de pacientes são obedecidos aqui. O HPM começa com 40 leitos clínicos e 3 de estabilização e até o fim da próxima semana estará com 100 leitos clínicos, além de mais 10 leitos de UTI. E ampliará até a capacidade máxima de 150 leitos clínicos", disse.

Ele disse ainda que o hospital receberá apenas pacientes regulados da rede estadual e também municipal de saúde, tanto de Teresina quanto do interior.

"O hospital vai atender à rede da capital e do estado, como já foi divulgado pras secretarias, órgãos de controle e ficamos honrados de apresentar essa estrutura preparada em 15 dias", disse.

Leandro Ponce, diretor Técnico do HPM, disse que o hospital seguirá protocolos para evitar contaminação entre pacientes e funcionários.

"Foi um grande esforço da equipe para receber pacientes acometidos pela Covid-19 e tem estrutura ampla, funcionários com entrada e saída diferentes e pacientes com entrada exclusiva, atendidos da melhor forma e esperamos atender aos anseios da população em um momento tão difícil", explicou ele.

Isolamento social e decretos de calamidade

Para evitar a contaminação pelo vírus, o isolamento social e medidas emergenciais foram determinadas por meio de decretos do governo do estado e das prefeituras, como na capital piauiense, para que a população fique em casa e evite ao máximo ir às ruas.

Policiais fazem abordagens nas fronteiras do estado a ônibus e veículos particulares. Escolas, universidades e a maior parte do comércio, assim como serviços públicos, suspenderam as atividades. Os decretos preveem que quem descumprir as regras pode ser penalizado com multa ou até prisão.

Prevenção, contágio e sintomas

Lavar bem as mãos é a maneira mais eficaz de evitar o contágio — Foto: Getty Images via BBC

Lavar as mãos de forma correta (veja vídeo), uso de álcool em gel, máscaras, evitar contato pessoal e aglomerações de pessoas são algumas das orientações para evitar o contágio da doença.

É importante também ficar atendo quanto às formas de transmissão do vírus e os sintomas. O infográfico abaixo ilustra algumas das formas de se prevenir:

Dicas de prevenção contra o coronavírus — Foto: Arte/G1

Fonte: G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing