07/04/2020

Após suspensão de visitas, detentas conversam com familiares por videochamada no Piauí

Pela primeira vez, detentos do estado têm visitas virtuais. Segundo a Secretaria de Justiça (Sejus), a ideia é que a ferramenta tecnológica seja utilizada em todos os presídios do estado nas próximas semanas.

Detentas participam da primeira visita virtual em unidades prisionais do Piauí — Foto: Divulgação /Ascom

Nesse domingo (5), 23 detentas da Penitenciária Feminina de Teresina realizaram videoconferências, de caráter experimental, com seus familiares e, pela primeira vez, o Piauí passa a ter visitas virtuais. O objetivo é evitar aglomerações nos presídios para assim reduzir o risco de disseminação do novo coronavírus no sistema penitenciário do estado.

A ideia surgiu após a Secretaria de Justiça do Piauí (Sejus) ter decidido, nesta sexta-feira (3), prorrogar a suspensão das visitas em presídios do Piauí por mais 15 dias. No dia 17 de março, a secretaria havia determinado, por meio de uma portaria, a interrupção de visitas, escolta e recambiamento de presos.

O secretário Carlos Edilson, por meio de um vídeo, explicou que a ferramenta foi escolhida já que boa parte da população vem utilizando o recurso como forma de manter o afeto com familiares e amigos distantes.

“Ela tem como intuito manter essa proximidade do reeducando com os seus familiares, manter o afeto e até mesmo tirar uma preocupação tanto da família quanto do reeducando. Nós resolvemos fazer essas videochamadas, oportunizar ao reeducando e aos seus familiares que mantenha esse vínculo de afeto por meio de uma videochamada, ferramenta que toda a sociedade está usando e nós vamos levar para todo o sistema penitenciário”, afirmou.

As visitas virtuais iniciaram na Penitenciária Feminina de Teresina, mas ainda nessa semana presos de outros presídios do Piauí serão contemplados com a ferramenta tecnológica.

Isolamento social e decretos de calamidade

Para evitar a contaminação pelo vírus, o isolamento social e medidas emergenciais foram determinadas por meio de decretos do governo do estado e das prefeituras, como na capital piauiense, para que a população fique em casa e evite ao máximo ir às ruas.

Policiais fazem abordagens nas fronteiras do estado a ônibus e veículos particulares. Escolas, universidades e a maior parte do comércio, assim como serviços públicos, suspenderam as atividades. Os decretos preveem que quem descumprir as regras pode ser penalizado com multa ou até prisão.

Prevenção, contágio e sintomas


Lavar bem as mãos é a maneira mais eficaz de evitar o contágio — Foto: Getty Images via BBC


Lavar as mãos de forma correta (veja vídeo), uso de álcool em gel, máscaras, evitar contato pessoal e aglomerações de pessoas são algumas das orientações para evitar o contágio da doença.

É importante também ficar atendo quanto às formas de transmissão do vírus e os sintomas. O infográfico abaixo ilustra algumas das formas de se prevenir:

Dicas de prevenção contra o coronavírus — Foto: Arte/G1

Fonte: G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing