12/12/2019

Conselho chega a consenso e confirma que vai reeleger Batista Filho presidente do Parnahyba

Em encontro decisivo no litoral, sócios garantem que vão manter dirigente no cargo até 2021. Oficialização da escolha será no domingo, no CT Petrônio Portela

Wenner Tito

Batista Filho seguirá no comando do Parnahyba por mais dois anos. O recém-formado Conselho Deliberativo azulino se reuniu na noite de quarta-feira, no litoral do Piauí, para confirmar o nome que será aclamado na eleição de domingo, data oficial prevista em estatuto para o anúncio do futuro presidente. Socorro Prado será a vice de Batista Filho até 2021.

Sócios do Conselho Deliberativo decidem que Batista Filho será reeleito presidente do Parnahyba — Foto: Divulgação/Parnahyba SC

O encontro promovido entre sócios discutiu a escolha de um dos dois nomes postos à mesa. Com Casé Neves como virtual candidato ao cargo, Batista Filho conseguiu não apenas manter a base de sustentação de sua gestão como vencer a pequena disputa interna para permanecer na cadeira de presidente. O novo mandato começa dia 1º de janeiro de 2020 e se estende até 31 de dezembro de 2021.

Além do presidente e vice, o Conselho Deliberativo elege, no domingo, os novos diretor e supervisor de futebol, além dos integrantes do Conselho Fiscal.

Eleição do Conselho Deliberativo em 2019 — Foto: Divulgação/Parnahyba SC

A corrida pela eleição presidencial do Tubarão começou em outubro, quando Batista Filho garantiu que não disputaria a reeleição e indicaria Casé Neves, que chegou a declarar publicamente o interesse em administrar o Azulino.

Contudo, após a confirmação de Petrarca Alelaf como candidato de oposição, Casé voltou atrás, desistiu da candidatura e convenceu Batista Filho a liderar os companheiros na briga nas urnas. A vitória da Chapa 1 na disputa pelo Conselho Deliberativo pavimentou a continuidade do grupo no alto escalão do Parnahyba.

A eleição presidencial no fim do ano atrasou, por consequência, a contratação de reforços. Somente após a votação do Conselho é que os primeiros nomes começaram a ser revelados. Renan (zagueiro), China (volante), Amaral (lateral-direito) e Jefferson Sandes (lateral-esquerdo) abriram a série de anúncios. A vaga de treinador ainda segue em aberto. A estreia do Parnahyba no Piauiense 2020 será diante do Flamengo-PI, dia 19 de janeiro, no estádio Lindolfo Monteiro, em Teresina.

Fonte: Globoesporte.com, Piauí

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing