28/11/2019

Polícia investiga sequestro relâmpago e roubo de R$ 800 mil em banco no Piauí


Nesta quinta-feira (28), a paralisação no atendimento da agência do Banco do Brasil na Piçarra, zona Sul de Teresina, acontece, curiosamente, após o roubo do dinheiro ocorrido na última terça-feira (26). Informes em apuração pela polícia indicam que o gerente da agência foi sequestrado em Timon (MA) e obrigado a retirar do cofre cerca de R$ 800 mil.

A equipe da TV Cidade Verde esteve no local. Um servidor confirmou o roubo e recomendou a procura de esclarecimentos e informações pela Superintendência do Banco do Brasil no Piauí. A produção tentou contato, mas até o momento não houve retorno. 

Uma pessoa ligada ao gerente teria sido mantida refém durante toda a ação no banco; uma forma de pressionar a vítima a cumprir as ordens dos criminosos.

Após a retirada do dinheiro, o funcionário do banco foi liberado em um sítio na saída de Timon em direção a Caxias. 

Todas as informações são extraoficiais. A reportagem confirmou junto a Delegacia Regional de Timon que até às 9h45 desta quinta (28) ninguém compareceu para registrar a ocorrência.



O Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco) - responsável por apurar ataques às instituições financeiras no Piauí - não se manifesta sobre o roubo do Banco do Brasil na Piçarra, zona Sul de Teresina. 

Carlienne Carpaso (com informações de Tiago Melo)
carliene@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing