14/09/2019

Homem é encontrado morto em matagal e adolescente suspeito é esfaqueado por familiar da vítima

O jovem identificado como Luciano de Jesus Nonato foi encontrado morto após três dias desaparecido. Três suspeitos pelo crime foram detidos pela Polícia Militar e liberados em seguida.

Viatura do Instituto Médico Legal IML Piauí — Foto: Andrê Nascimento/ G1 PI

Um homem foi encontrado morto em um matagal na cidade de Marcolândia, a 421 km de Teresina, na tarde de sexta-feira (13). Dois adolescentes e um adulto foram detidos, mas foram liberados em seguida, por que os suspeitos foram localizados após o fim do prazo de prisão em flagrante. Em liberdade, um dos adolescentes foi esfaqueado, ainda durante a noite de sexta. Segundo a PM, um familiar da vítima é suspeito de ser o autor dos golpes.

De acordo com o capitão Edmilson Santos, comandante da Polícia Militar de Marcolândia, o jovem identificado como Luciano de Jesus Nonato desapareceu durante a manhã de terça-feira (10). “Fomos avisados sobre o desaparecimento dele apenas na sexta-feira (13) pela manhã. À tarde, encontraram pertences dele próximo à uma mata. Nos deslocamos até o local e nos deparamos com o corpo”, contou.

Segundo o capitão, a vítima estava parcialmente enterrada em uma cova rasa. De acordo com análises preliminares da Polícia Civil, Luciano de Jesus foi assassinado a pauladas e com um disparo de arma de fogo na região da cabeça.

Ainda durante a tarde de sexta-feira, os policiais militares conseguiram identificar um adolescente suspeito pelo crime. “Ele tinha uns arranhões pelo corpo que pareciam ter sido feitos na vegetação da mata onde o corpo foi encontrado. Apreendemos ele, e logo confessou o crime”, disse o capitão.

Em depoimento, o adolescente de 16 anos disse aos policiais que havia cometido o assassinato acompanhado por outro adolescente, de 17 anos, a mando de um homem de 22 anos. Os dois outros suspeitos foram identificados e detidos pela PM até às 18h de sexta-feira (13).

Ainda de acordo com os depoimentos colhidos pela Polícia Militar e pela Polícia Civil de Simões, o assassinado de Luciano teria sido uma vingança por uma rixa entre a vítima e o suspeito de 22 anos. Para cometer o crime, o suspeito teria oferecido drogas para os dois adolescentes em troca da ajuda.

Segundo o capitão Edmilson, durante a manhã de terça-feira (10), os dois adolescentes teriam atraído a vítima para o local onde o homicídio aconteceu. "Os menores contam que ofereceram bebida para ele, e conseguiram deixar ele bastante embriagado". Os três suspeitos teriam participado do homicídio. Após o crime, o corpo de Leonardo foi arrastado até o local onde foi encontrado na sexta-feira (13).

Como o tempo entre o dia em que o crime aconteceu (terça-feira, 10) e o dia em que os suspeitos foram detidos (sexta-feira, 13) ultrapassou o prazo de 24 horas para a prisão em flagrante, os três foram liberados após prestar depoimento. Os policiais civis de Simões trabalham para pedir à Justiça pela prisão e apreensão dos suspeitos na próxima segunda-feira (16).

Ainda de acordo com o capitão Edmilson, durante a noite de sexta-feira um dos menores suspeitos de participar do homicídio foi esfaqueado. A Polícia suspeita que um familiar da vítima seria o autor dos golpes. O adolescente foi socorrido e não corre risco de morte.

Fonte: G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing