03/04/2019

Escola pega fogo no Piauí e polícia investiga se incêndio foi criminoso

Centenas de livros, parte do forro, brinquedos, duas centrais de ar e um computador foram destruídos. Ainda não se sabe se o incêndio foi criminoso ou causado por um curto-circuito.

Livros foram perdidos durante incêndio em escola — Foto: Divulgação/PM-PI

A unidade escolar Dorinha Xavier pegou fogo na noite de terça-feira (2) na cidade de Picos, Sul do Piauí. Centenas de livros, parte do forro, brinquedos, duas centrais de ar e um computador foram destruídos. A polícia ainda não se sabe se o incêndio foi criminoso ou causado por um curto-circuito e aguarda resultado de perícia.

Os bombeiros foram acionados por volta das 21h e constataram que uma das salas e o teto da escola estavam pegando fogo. A equipe conseguiu controlar as chamas por volta das 23h.

"Ninguém sabe ainda o que motivou o incêndio, se foi criminoso ou um curto-circuito. Informações que chegaram até nós é que o fogo foi causado pela falta de manutenção nas instalações elétricas e tem muitas outras escolas na mesma situação", explicou o coronel Viana, comandante da Polícia Militar de Picos.

Segundo as diretoras da escola, Luana de Jesus Sá Brito e Eliana Santos Rufino Rêgo, foram perdidos no incêndio dois ar condicionados, vários livros didáticos, um armário, uma caixa de som, cadeiras, brinquedos, uma lousa digital, um computador e vários produtos de limpeza. O teto da sala ficou destruído pelas chamas. A escola foi inaugurada em 2018.

Fonte: G1/PI
*Lorena Linhares, estagiária sob supervisão de Catarina Costa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing