07/02/2019

Denúncia contra a Secretaria de Saúde fala em risco de morte de pacientes

Conselheiro do TCE determinou que secretário de Estado apresentasse explicações para atrasos de repasses reportados como que sendo de até seis meses

Florentino Neto, secretário de Saúde 

O conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE) Jaylson Campelo determinou que o secretário de Saúde do Piauí, Florentino Neto, manifestasse explicações para os recorrentes atrasos do auxílio para Tratamento Fora do Domicílio (TFD) destinado aos pacientes renais.

A determinação é em face de denúncia do presidente da Associação dos Pacientes Renais Crônicos do Piauí (APREPI). Segundo os relatos que chegaram à Corte de Contas, “os pacientes renais e outros usuários reclamam de atrasos recorrentes, chegando há seis meses”.

“Muitos estão passando necessidades e deixando de fazer o tratamento por falta do recurso para pagamento do deslocamento, correndo o risco de morte”, informou.

CADÊ O DINHEIRO?
A associação pede então que sejam dadas explicações sobre esses recursos e que seja apresentado “relatório financeiro de entradas e saídas – pagamentos" referentes ao exercício financeiro de 2018.

O secretário de Estado terá cinco dias úteis para apresentar a sua defesa, a contar da juntada aos autos do AR de notificação.

_O documento encaminhado à Corte de Contas:


Fonte: 180 Graus/Por Rômulo Rocha – De Oxford

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing