29/10/2018

Fábio Sérvio diz: "Bolsonaro tem grande projeto para Nordeste"



O presidente do PSL no Piauí, Fábio Sérvio, disse que o presidente da República eleito, Jair Bolsonaro (PSL), tem um grande projeto de governo para o Nordeste, região onde a maioria dos votos foram para o adversário Fernando Haddad (PT). Segundo ele, os nordestinos não precisam ficar receosos, uma vez que o novo presidente vai governar para todos. 

"Jair tem uma grande projeto para o Nordeste e esse projeto passa pela libertação do nosso povo. Se a gente lembrar durante a campanha e já nesse pronunciamento como presidente, ele o tempo todo usou a palavra liberdade e libertar. A gente precisa dar condições de desenvolvimento, não só econômico, mas pessoal, social e humano para a nossa gente, para o Nordeste. Realizar obras que sejam de interesse do povo e não somente dos políticos", disse Fábio Sérvio.

Em entrevista ao Notícia da Manhã, desta segunda-feira (29), ele destacou como metas do novo governo, a solução de problemas antigos como a questão da seca no Nordeste.



"É priorizando a população, menos Brasília e mais Nordeste. Jair tem um carinho especial pelo Nordeste. Ele fala muito do Nordeste, tem ligações familiares com o Nordeste, ele agora é o presidente de todos. Tenho certeza que com a seriedade do governo dele, a forma de agir, a composição técnica que o governo vai ter, a coragem de combater a corrupção [...] o Nordeste vai ver a solução da seca, o semiárido resolvido, grandes obras que vão gerar desenvolvimento econômico e social", acredita o presidente do PSL no Piauí. 

Fábio Sérvio justificou a inexpressividade de votos de Jair Bolsonaro no Nordeste e disse que o "trabalho será muito duro e de libertação"

"Dificuldade pelo fato do nordeste ser controlado pelo PT. Enquanto o Brasil todo caminhou nesse projeto de renovação política, renovou a Câmara Federal, renovou o Senado, o Nordeste teve os menores índices de renovação e no Estado do Piauí esses índices foram menores ainda. Foram eleitas as mesmas pessoas [...]", disse Sérvio.


"Acredito que tem um trabalho muito duro no Nordeste, um trabalho mesmo de libertação, de conscientização, de combate a compra de votos. Pra mim quem venceu foi a compra de votos no Nordeste, principalmente no Piauí, seja direta ou indiretamente, seja pelo medo [...] a gente precisa acabar com isso. Acho que foi a primeira eleição no país, pelnamente, democrática, mas faltou isso no Nordeste e o nosso trabalho é fazer com isso aconteça daqui pra frente", completou Fábio Sérvio. 

Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing