25/09/2018

Polícia deflagra operação e prende 04 acusados de roubos em Cocal; 03 deles são integrantes do Comando Vermelho


A Polícia Civil do Piauí, por meio da Delegacia de Polícia de Cocal-PI, com o apoio da Delegacia Regional de Sobral-CE, de policiais da Delegacia de Buriti dos Lopes-PI e de policiais militares de Cocal-PI, deflagraram na última sexta-feira (21/09) a operação Nômade, que cumpriu sete mandados de busca e apreensão e quatro de prisão preventiva e temporária, que resultou na prisão de quatro pessoas, três delas integrantes da facção criminosa "Comando Vermelho', acusados de roubos e furtos na cidade de Cocal-PI e na localidade Brejinho, zona rural de Luís Correia. 

Segundo a Delegada Daniella Dinali, a investigação policial durou três meses, após o registro de crimes de roubos, com emprego de arma de fogo, e furtos realizados a estabelecimentos comerciais e residências em Cocal-PI, no mês de julho do corrente ano, tendo sido roubados joias, dinheiro, relógios, dinheiro e veículos, dentre outros. 

José Mauricio dos Santos Junior, vulgo "Chocolate"'/Foto Reprodução Polícia Civil

No dia da operação os agentes efetuaram a prisão do nacional José Mauricio dos Santos Junior, vulgo "Chocolate", de 20 anos, residente em Sobral-CE. Outros dois integrantes do grupo, também de Sobra-CE, identificados como Henrique Caetano do Nascimento, de 22 anos, e Cleiton Carvalho de Sousa, de 29 anos, já se encontravam encarcerados em um presidio cearense desde o mês de julho por conta de outros crimes. 

Francisco Luan dos Santos, alcunha ''Tubão''/Foto Reprodução Polícia Civil

O quarto suspeito preso trata-se do cocalense Francisco Luan dos Santos, alcunha ''Tubão'', de 26 anos, que segundo a autoridade policial, não pertence à facção criminosa, mas atuou em vários crimes com o trio. Este foi capturado por uma equipe da polícia militar na noite neste domingo (23/09). Chocolate e Tubão serão encaminhados para um presídio do Estado do Piauí. 

A polícia imputa ao quarteto os seguintes crimes: 

* Furto ocorrido no dia 1° de julho de 2018 a Casa Lotérica Ponto da Sorte, anexa ao Supermercado Cocal (CLIQUE AQUI E REVEJA);

* Dois assaltos a residências com reféns, na qual tiveram como vitimas, a empresária Conceição, viúva do comerciante Raul Trajano, e os familiares do Senhor João Dade. Fato ocorrido no dia 1° de julho de 2018 (CLIQUE AQUI E REVEJA);

* Um assalto realizado no dia 02 de julho de 2018, ocorrido em um estabelecimento comercial situado em Brejinho, zona rural de Luís Correia (CLIQUE AQUI E REVEJA); 

* Um roubo registrado no dia 12 de julho de 2018, na qual a empresária e vereadora Lucinha foi feita refém com suas filhas (CLIQUE AQUI E REVEJA). 

Henrique Caetano do Nascimento/ Foto Reprodução Polícia Civil

Ainda de acordo com a Delegada, as investigações continuam em andamento e a Polícia Civil de Cocal aproveita a oportunidade para informar que crimes desta natureza, haja vista a organização, potencial destruidor dos mesmos e a insegurança que geraram para a população local, serão combatidos com todo o rigor. 

Cleiton Carvalho de Sousa, de 29 anos/ Foto Reprodução Polícia Civil

A Polícia Civil de Cocal reforça a divulgação do telefone/whatsapp: (86) 99983-8339, para denúncias anônimas e pede apoio da população, o que facilita de sobremaneira o trabalho investigativo desta instituição.

Fonte: Blog do Coveiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Anuncio google