02/08/2018

Polícia indicia pais de bebê que morreu asfixiado por homicídio doloso e abandono de incapaz no Piauí

Ian Calebe foi encontrado morto no sofá de casa no Residencial Torquato Neto.

Casal foi preso pela morte de bebê de cinco meses em Teresina, mas liberados em audiência de custódia. (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Polícia conclui inquérito sobre morte de bebê de cinco meses deixado em casa pelos pais


A Polícia Civil concluiu o inquérito que investigava a morte do bebê Ian Calebe, de apenas cinco meses, que foi encontrado morto em casa no dia 18 de julho, no Residencial Torquato Neto, Zona Sul de Teresina. Os pais serão indiciados por homicídio doloso e abandono de incapaz.

De acordo com o delegado Juciêr Santos, da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente, o inquérito concluiu que os pais do bebê, indiciados pelo crime de abandono de capaz, assumiram o risco de morte quando o abandonaram sozinho em casa.

Policiais disseram que bebê vivia em situação insalubre. (Foto: Divulgação/PM)

O delegado afirmou, ainda, que o próximo passo será indiciar os pais pelos crimes de homicídio doloso e abandono de incapaz. “Vou indiciá-los, enviar o caso à Justiça, e de lá para o Ministério Público que, entendendo que a investigação já foi encerrada, vai poder fazer a denúncia e iniciar o processo criminal”, declarou.

Em caso de condenação, os pais podem cumprir pena de mais de 20 anos de prisão. Eles receberam liberdade provisória para responder em liberdade pelos crimes, porém com medidas cautelares aplicadas.

“Se eles descumprirem as cautelares, a polícia ou o Ministério Público podem requerer a prisão preventiva deles”, completa o delegado.

Relembre o caso
No dia 18 de julho, um bebê de cinco meses foi encontrado morto no sofá de casa no Residencial Torquato Neto, Zona Sul de Teresina, após ser abandonado pelos pais, identificados como Alice Jovem de Sousa e Ivanilson Pereira Diniz, que foram presos logo após a morte do bebê.

De acordo com o atestado de óbito, a criança morreu por asfixia. Os pais de Calebe já haviam sido denunciados outras vezes pelos vizinhos, que os acusavam de abandonar os filhos para fazer uso de entorpecentes.

Fonte: G1 PI/Por Bom Dia Piauí

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Anuncio google