04/08/2018

Ex-vereador Djalma Filho entrou com novos embargos de declaração no STJ


TEM ALGO ERRADO
O ex-vereador Djalma Filho entrou com novos embargos de declaração no Superior Tribunal de Justiça (STJ).


Com essa já se contabiliza mais de uma dezena de medidas protelatórias na Corte Superior.

O professor universitário é acusado de mandar matar o apresentador Donizetti Adalto.

Os novos embargos tiveram registro de entrada no dia 1º de agosto.

Djalma quer levar o caso para o Supremo Tribunal Federal (STF), alegando cerceamento de defesa. 

O STJ, no entanto, entende que o caso não preenche os requisitos para tanto.

Donizetti Adalto foi morto em 19 de setembro de 1998 em uma emboscada.

Fonte: 180/Por Rômulo Rocha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Anuncio google