24/08/2018

Engenheiro preso pela PF foi contratado na gestão de Florentino Neto para obra do Matadouro de Parnaíba

Florentino Neto reuniu-se com Juscelino Val e se secretariado quando discutiram sobre a reforma do Matadouro Público

O engenheiro Juscelino Val Duarte, preso na manhã desta quinta-feira (23) pela Polícia Federal na terceira fase da Operação Escamoteamento, foi contratado em 2015 pelo então prefeito Florentino Neto (PT), para reiniciar a reforma do Matadouro Público Municipal, obra que já se arrastava há dez anos. A ordem de serviço foi assinada no dia 02 de outubro de 2015 pelo ex-prefeito petista, na sede do gabinete municipal, com o documento de N° 1.034/2015, autorizando a empresa H.M de Vasconcelos Serviços Eireli - EPP, de propriedade de Juscelino, a iniciar os trabalhos.

Processo licitatório em que no ano de 2015, Prefeitura de Parnaíba celebrou o primeiro contrato com a empresa do engenheiro para a reforma do Matadouro

Entretanto, blogs ligados ao esquema petista em Parnaíba, se apressaram em soltar na internet que Juscelino Val teria sido contratado pelo atual prefeito Mão Santa, quando a bem da verdade, foi apenas dada continuidade ao contrato já firmado anteriormente por Florentino, atual secretário de Saúde do governador Wellington Dias (PT). Inclusive, Juscelino Val Duarte é irmão do ex-prefeito de Buriti dos Lopes, Bernildo Duarte, nomeado em janeiro do ano passado pelo governador para gerir a Agência de Defesa Agropecuária do Piauí (Adapi).

Além da obra do matadouro, a empresa ainda celebrou outros contratos na gestão passada, dentre elas, a reforma do antigo anexo da Escola Municipal Cândido Athayde, no bairro Rosápolis, além da ampliação das escolas Benedito dos Santos Lima, no bairro Piauí e Antônio Thomaz, no bairro João XXXIII, além da obra de reforma da escola Marielise Mourão, também no bairro João XXIII.


Por Luzia Paula
Blog O Piauí

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing