25/07/2018

`Dona' de boca de fumo zomba da polícia ao ser presa no Piauí

Na delegacia, Caroline sorriu ao ser presa e fez um gesto de ‘paz e amor’, em referência de que não ficará muito tempo na cadeia.



Pelo menos cinco pessoas foram presas e um menor apreendido, todos acusados de tráfico de drogas, durante uma Operação deflagrada na tarde de terça-feira (24) pela Polícia Civil, na cidade de Luís Correia, litoral do Piauí. No total, segundo a polícia, foram cumpridos 8 mandados de busca e apreensão.


De acordo com o delegado Maikn Kaestner, da Polícia Civil, a Operação ocorreu em ação conjunta com a Delegacia de Combate ao Homicídio, Tráfico de Drogas e Latrocínio de Parnaíba (DHTL).

“A Polícia Civil de Luís Correia juntamente coma DHTL, em Parnaíba, a gente começou a trocar informações e tinha a investigação do tráfico aqui, a investigação do tráfico lá, e em razão de algumas investigações em Parnaíba, a gente pode notar essa migração, esse fluxo: uma hora o traficante estava em Parnaíba, ora estava em Luís Correia. A gente uniu forças e ontem cumprimos oito mandados de busca na casa de traficantes”, afirmou. 

Os cinco presos são acusados de tráfico de drogas, furtos e receptação. Nesta Operação, a PC conseguiu identificar que o tráfico de drogas em Luís Correia era liderado por uma mulher identificada como Caroline. Com os suspeitos os policiais encontraram droga sintética LSD, bastante usada por pessoas de alto poder aquisitivo, além de dinheiro, televisões, celular e objetos como relógios.

Acusada identificada apenas como Caroline (Crédito: Rede Meio Norte)

“Nós autuamos aí a Caroline, que é a principal ali, digamos que é a dona da boca de fumo. Nós autuamos ela pela receptação, associação ao tráfico, tráfico de drogas e corrupção de menores”, acrescentou. “Ela, o namorado dela que também morava lá, as três pessoas que moravam lá, ela e dois homens no caso estão sendo autuados pelo tráfico e por esses três crimes”, informou. 

Segundo o delegado, o adolescente envolvido, de apenas 17 anos, foi liberado. “O menor foi liberado. Aparentemente nesse caso especifico, ele não trabalhava lá e a legislação assim determina que o menor não seja apreendido nesses casos”, declarou.

Na delegacia, Caroline sorriu ao ser presa e fez um gesto de ‘paz e amor’, em referência de que não ficará muito tempo na cadeia. “Infelizmente, hoje as leis são muito brandas e o traficante chega rindo na delegacia, zomba da cara da polícia, zomba do poder judiciário. Hoje é a realidade do país”, desabafou o delegado.

Fonte: Portal Meio Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Anuncio google