04/06/2018

Preso suspeito de torturar, estuprar e manter esposa em cárcere privado por 9 horas no Piauí

Vítima disse à polícia que o autor das agressões conhecia o ex-namorado de Aretha Dantas, indiciado por feminicídio, e a ameaçava de fazer o mesmo com ela.

Caso foi recebido pela Central de Flagrante de Gênero de Teresina (Foto: Lucas Marreiros/G1)

Um homem identificado como Rodrigo da Mata foi preso nesse domingo (3) suspeito de torturar, estuprar e manter a esposa em cárcere privado por 9 horas. A vítima conseguiu fugir do marido quando ele dormiu, levando sua filha de oito meses. O caso aconteceu no bairro Bela Vista, Zona Sul de Teresina.


Segundo a delegada Valéria Cunha, da Central de Flagrante de Gênero, a vítima foi torturada com vários objetos e estuprada. "Ela passou várias horas, de 21h até 6h, em posse dele. Ele torturando com objetos como cinto e cabo USB de celular. Forçou ela a fazer o ato sexual sem o consentimento dela e ainda filmava para mostrar pros amigos", relatou a delegada.

De acordo com a delegada, ele negou todas as acusações. "Ele diz que não fez nada com ela, que manteve relação com o consentimento dela. Muito tranquilo e frio durante o interrogatório e nega ter conhecido o assassino da Aretha", contou.

A delegada afirmou que Rodrigo da Mata vai responder pelos crimes de lesão corporal, ameaça, injúria e estupro. As lesões já estão comprovadas por exame de corpo de delito. A delegada contou ao G1 que ele também vai responder pelo crime de praticar ato lidibinoso na frente de menor de 14 anos. "Tudo que ele fez foi na presença da filha deles de oito meses".

A vítima afirma que o marido conhecia o assassino de Aretha Dantas, mulher morta com 20 facadas na Zona Sul de Teresina pelo ex-namorado, Paulo Alves. Segundo a delegada, a vítima disse ainda que os dois homens teriam um "pacto" e que Rodrigo a ameaçava dizendo que iria fazer a ela o mesmo que o ex-namorado de Aretha fez com ela.

A prisão de Rodrigo em flagrante foi transformada para preventiva, garantindo que ele fique preso inicialmente por 30 dias, devido à gravidade dos atos. A sua audiência de custódia acontece hoje (4).

Fonte: G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing