06/05/2018

FMS confirma 1ª morte por H1N1 no Piauí


A Fundação Municipal de Saúde confirmou neste domingo (06/05) a primeira morte no Piauí por H1N1 em 2018. Trata-se do motorista de iniciais F.L.S., de 52 anos, que chegou a ser sepultado em um caixão lacrado, recomendação diante da então suspeita de óbito provocado pela doença.


Segundo a FMS, o paciente era cardiopata, e não aceitou internação na primeira ida ao hospital. Quando retornou para atendimento médico, já estava em estado gravíssimo.

Em nota, a Fundação alerta ainda que as pessoas com doenças crônicas que apresentem síndrome gripal aguda procurem o serviço de saúde o mais rápido possível para que as medidas cabíveis, em caso de H1N1, sejam tomadas. 

Ainda não há nenhum protocolo da Organização Mundial de Saúde, ou do Ministério da Saúde, para o bloqueio com medicamentos ou vacina de quem teve contato com pessoas com H1N1. 

Teresina aguarda que o Ministério da Saúde envie novo lote de vacinas contra gripe esta semana. Tudo está sendo feito para que ocorra dentro do previsto. O estoque de vacinas contra a gripe, que protegem contra os vírus influenza tipo B, A H1N1 e A H3N2 já zerou na Rede de Frio da capital.

O Ministério da Saúde é responsável em enviar as doses da vacina contra a gripe. A Secretaria Estadual de Saúde é responsável em fornecer as agulhas para aplicação das doses e a Fundação Municipal de Saúde é responsável pelo armazenamento, distribuição e aplicação das doses na população.

Fonte: 180

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing