24/11/2018

Georgia Nunes desiste da candidatura à presidência da OAB e se une a Celso Barros


Roberta Aline

Aos gritos de reage com independência, a advogada Georgia Nunes anunciou a retirada de sua candidatura por volta das 16h. Ela disse que a decisão de sair da disputa pela presidência da OAB foi coletiva. O anúncio oficial foi feito no comitê da chapa na zona Leste de Teresina ao lado do candidato Celso Barros Neto, que recebeu o apoio formal. Ele lidera a chapa 4, "Independência OAB".

“A Georgia não desistiu e não desistirá jamais. Essa foi uma decisão coletiva. Após percorremos o Piauí, percebemos que a OAB Piauí precisa de mudanças e 70% da advocacia piauiense não concorda com a atual gestão. Nós devemos respeitar a maioria. Continuamos com os mesmos propósitos. Agora, a caminhada segue com Dr. Celso Barros e toda a sua equipe, que assumiu as nossas bandeiras e os nossos projetos”. 

Em apoio à candidatura de Celso Barros Neto, Geórgia Nunes reforçou que o colega se mostrou aberto a aceitar diversas propostas que estavam incluídas em seu projeto de gestão. Ficou decidido na reunião, que os advogados que demonstram apoio tanto à Geórgia como a Celso irão votar vestidos de branco, numa espécie de pedido de paz na Ordem.

Em seu discurso, Georgia Nunes reforçou que continua a lutar pela advocacia e é contra a divulgação de notícias falsas. 

Questionada sobre a renúncia, Georgia reafirmou que a retirada da candidatura foi coletiva e que, até o momento, não existe nenhum diálogo oficial sobre cargos a serem ocupados. 

"Dra. Georgia Nunes está demonstrando um espírito de mulher guerreira, de mulher independente. Ela está aqui de mostrando o interesse maior pela causa da advocacia, pela OAB. Nós estamos aqui demonstrando que somos pessoas independentes, reagindo as mazelas que existem na nossa instituição. Nós estaremos juntos, Georgia, com os nossos dois grupos. Os bons se atraem", comentou Celso Barros. 

Georgia Nunes foi a última a registrar candidatura e teve pouco tempo de campanha. Sobre a escolha de apoiar Celso Barros, ela afirmou apenas que era a chapa que tinha mais diálogo, pois Carlos Henrique se demonstrou mais isolado.

Após intensas reuniões durante toda a manhã de hoje (23), a advogada Georgia Nunes, desistiu da candidatura à presidência da OAB do Piauí. A advogado fará o anuncio oficial durante entrevista coletiva marcada para às 15h15 desta sexta-feira. Ficou acordado que a chapa irá se unir a candidatura de Celso Barros Neto e Georgia irá disputar a vaga de conselheira federal. 

Durante entrevista, a advogado irá divulgar os motivos que levaram a renunciar a candidatura. Na rede social circula uma nota assinada pela chapa que é fake news (notícia falsa). 



A advogada Georgia Nunes está reunida com o grupo de apoiadores e analisa a possibilidade de desistência da candidatura à presidência da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil).

Desde ontem, a advogado estuda a possibilidade de renúncia. Quatro candidatos disputam a presidência da Ordem. A eleição acontece neste sábado (24). 

A chapa está reunida em um escritório no bairro Jóquei Clube, zona Leste de Teresina, e analisa a atual conjuntura da eleição. O Cidadeverde.com obteve informações de que integrantes da chapa estão com pesquisas internas que apontam a polarização entre o candidato Lucas Villa e Celso Barros Neto.

Numa possível desistência, Georgia Nunes apoiaria a candidatura de Celso Barros que teria chances de vitória.

Georgia disputa a eleição com a chapa 3 - "Reage OAB" e tem como vice Leonardo Airton. Ela conta com apoiadores de peso como os ex-presidentes da OAB William Guimarães, Sigifroi Moreno e Norberto Campelo.

O governador eleitor de Brasília, Ibaneis Rocha também pediu voto para Georgia Nunes.

Flash Yala Sena e Carlienne Carpaso
yalasena@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing