28/08/2018

Procurador eleitoral pede impugnação de 13 candidaturas no Piauí; veja lista


Procurador Eleitoral Patrício Noé da Fonseca/Foto: Wilson Filho

No último dia do prazo, o Ministério Público Eleitoral pediu a impugnação dos registros de 13 candidatos que desejam disputar o pleito de outubro. Entre os motivos estão problemas como documentação e aplicação da lei da ficha limpa.




É o caso do deputado federal Heráclito Fortes (DEM). De acordo com o Ministério Público, ele foi condenado por "abuso político em benefício pessoal, conduta praticada na condição de detentor de cargo na administração publica".

Em 1991, Heráclito foi prefeito de Teresina e teria usado a frase "Juntos somos mais Fortes" em material administrativo. A ação foi caracterizada como promoção pessoal.

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) inicia amanhã (29) o julgamento dos pedidos de impugnação. O Tribunal tem até o dia 17 para apresentar o parecer e decidir se impugna ou não os pedidos feitos pelo Ministério Público.

Na lista estão ainda os candidatos a senador Marcos Vinicius (PTC), Frank Aguiar (PRB) e Paulo Henrique (Rede). Correm o risco de não serem candidatos ainda quatro candidatos a d3putado estadual e seis postulantes ao cargo de deputado federal.


Lídia Brito
lidiabrito@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing