10/07/2018

Depois de Série B não sair do papel, FFP antecipa organização da Série A

Entidade vai chamar representantes de Altos, River-PI, 4 de Julho, Piauí, Parnahyba e Flamengo-PI até o final de julho para tratar sobre os laudos dos estádios: “Trabalhar com bastante antecedência”

Cesarino Oliveira (Foto: Stephanie Pacheco / GloboEsporte.com)

Com a Série B do Piauiense cancelada, a Federação de Futebol do Piauí (FFP) vai chamar, até o fim de julho, os clubes da elite do futebol local para organizar o campeonato estadual do próximo ano. A entidade pretende, com antecedência, alertar os representantes de Altos, River-PI, 4 de Julho, Piauí, Parnahyba e Flamengo-PI sobre os laudos técnicos dos estádios que receberão as partidas em 2019 do torneio. A Segundona, fracassada antes mesmo de começar, passou por esse problema: as praças esportivas não tinham a documentação exigida para receber torcedores e jogos.


Nos últimos anos, o primeiro arbitral do Campeonato Piauiense acontecia em meados de outubro. A suspensão da Série B, contudo, ligou o sinal de alerta na FFP. Questionado se a não realização da Segundona ameaçaria a Série A, o presidente da entidade, Cesarino Oliveira, informou que é preciso se “debruçar” no problema.

- Isso faz com que possamos debruçar, conversar e chamar os seis clubes, trabalhar com bastante antecedência. Como sempre, o campeonato é feito no ano anterior, discutido para atender os prazos do Estatuto do Torcedor. Até o final deste mês vamos reunir as equipes, dizer que é preciso de planejamento para termos um campeonato melhor – explicou Cesarino.

Em 2018, os estádios Albertão, Felipão, Verdinho e Arena Ytacoatiara foram utilizados na elite do estadual. Sem a Série B, novamente a Série A terá apenas seis clubes: Altos, River-PI, 4 de Julho, Piauí, Parnahyba e Flamengo-PI.

Fonte: Globoesporte.com, Piauí

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Anuncio google