10/05/2018

Programa que identifica fraudes no seguro-desemprego gera economia de quase R$ 1 bilhão

Em funcionamento desde 2016, ação ajuda a diminuir a ocorrência de fraudes dentro do benefício


Imagem ilustrativa/web

Implantado há dois anos, o sistema de Detecção e Prevenção à Fraude no Seguro-Desemprego (Antifraude) gerou uma economia de cerca de R$ 1 bilhão aos cofres públicos. Até março, o volume de fraudes evitadas no Brasil chega a aproximadamente de R$ 313,7 milhões, de acordo com dados divulgados nesta quarta-feira (9) pelo Ministério do Trabalho.


O sistema Antifraude é uma solução encontrada pelo Governo do Brasil para detectar indícios, conluios e riscos associados aos recursos do seguro-desemprego em todas as modalidades. “Esses recursos seriam levados por quadrilhas organizadas que, ao longo do tempo, fraudaram e roubaram o dinheiro dos cofres públicos, mas agora elas estão sendo identificadas e interceptadas, com o uso da tecnologia de ponta”, avaliou o ministro da pasta, Helton Yomura.

Para o ministério, o combate às fraudes no âmbito do direito social chega a impactar o trabalho dos criminosos, que passaram a migrar de uma modalidade de delito para outra diante da eficiência do programa desenvolvido pela pasta.

Fonte: Governo do Brasil, com informações Ministério do Trabalho

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Anuncio google