27/03/2018

Vítima de disparo em calçada de escritório de advocacia presta depoimento

Segundo a polícia, suspeito de efetuar disparos já foi identificado. Motivação seria a cobrança de dinheiro referente à venda de um carro.

Vítima prestou depoimento no 6º Distrito Policial (Foto: Gil Oliveira/G1)

Uma das três pessoas que foram baleadas na calçada de um escritório de advocacia localizado no bairro Vermelha, zona Sul de Teresina, prestou depoimento, nesta segunda-feira (26), no 6º Distrito Policial. De acordo com a Polícia Civil, o suspeito de efetuar os disparos já foi identificado e a motivação seria a cobrança do valor referente à venda de um automóvel.


“A primeira vítima foi ouvida hoje pela manhã e a segunda será ouvida em breve também. A terceira vítima, que ficou em estado mais grave, continua internada no hospital. Vamos aguardar que ela tenha alta para poder prestar depoimento”, informou o chefe de investigações do 6º DP, Joattan Gonçalves.

O crime aconteceu na sexta-feira (23) quando Fabrício Roniere de Moura Soares, 34 anos, Jorge Luís Carvalho de Oliveira Júnior, 29 anos, e Normando Viana de Nascimento, 49 anos, estavam na calçada do escritório. Um homem se aproximou em uma motocicleta, efetuou três disparos e fugiu sem subtrair nenhum objeto das vítimas.

Fabrício Soares foi ferido no abdômen e encaminhado para o centro cirúrgico do Hospital de Urgência de Teresina (HUT). Jorge Luís Júnior também foi baleado no abdômen e foi transferido para um hospital particular. Normando Nascimento levou um tiro no braço.

Fonte: G1/PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Anuncio google