26/02/2018

Segurança do governador é ferido durante arrastão em bar; um assaltante é morto


Um assalto deixou um suspeito morto e um policial militar ferido na avenida Rio de Janeiro, no bairro Aeroporto, na zona Norte de Teresina. O suspeito foi identificado como Wilton Sérgio Lima Massaneiro. O PM, sargento Francisco das Chagas Soares, levou um tiro no pescoço que saiu pela clavícula e está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em um hospital particular de Teresina. 


Ele e um comparsa tentaram roubar um grupo de amigos que estava no local, entre estes, um policial militar que reagiu. O delegado Francisco Costa, o Baretta, coordenador da Delegacia de Homicídios, esclarece que o assalto já tinha sido consumado e o sargento atirou e legítima defesa. 

"Os dois chegaram para fazer esse assalto. O Wilton rendeu as vítimas e o outro recolheu os pertences. Na fuga, eles pegaram o carro do sargento que fez um movimento e a dupla atirou pensando que ele ia reagir. Eles balearam o PM que atirou de volta em legítima defesa", explica Baretta.

O carro do sargento e a arma do suspeito foram apreendidos.

O caso ocorreu na noite deste domingo (25), por volta das 20h30. O comparsa de Wilton ainda não foi localizado, mas já foi identificado.

O policial militar foi levado para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT) e depois transferido, ainda na noite de ontem, para um hospital particular de Teresina. 

Segundo amigos do sargento, o quadro é estável e estaria na UTI apenas em observação. O tiro acertou o pescoço e saiu pela clavícula. O policial é lotado no Palácio de Karnak e atualmente trabalha na segurança do governador Wellington Dias. 

Dupla tentou fugir no carro do sargento

Graciane Sousa e Caroline Oliveira
redacao@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Anuncio google