21/02/2018

Após explosões, carro-forte sofre perseguição na PI-113 e PM faz escolta

Carro fez repetidas ultrapassagens ao carro-forte próximo a cidade onde houve ataque. Seguranças pediram ajuda à Polícia Militar.

Carro-forte foi direcionado ao GPM de Cabeceiras (Foto: Reprodução/Campo Maior em Foco)

Seguranças particulares de um carro-forte acionaram a Polícia Militar nessa terça-feira (20) depois de suspeitarem de uma perseguição na PI-113, entre as cidades de Barras e Cabeceiras, Norte do Piauí. Segundo o major Etevaldo Lima, comandante de policiamento de Campo Maior, uma picape de cor preta fez repetidas ultrapassagens ao carro-forte. No dia 19, dois carros-fortes foram atacados em rodovias do estado.




“Os vigilantes perceberam que uma picape começou a ultrapassar e retornar para trás do carro-forte repetidas vezes ao longo da rodovia. Eles disseram que isso aconteceu muitas vezes, um comportamento totalmente suspeito. Então eles resolveram acionar a Polícia Militar”, contou o major ao G1.

Viaturas de Campo Maior escoltaram o carro-forte de Cabeceiras até o destino final, não informado 
(Foto: Reprodução/Campo Maior em Foco)

Segundo ele, os seguranças tiveram receiro de um ataque, após duas explosões a carros-fortes, em menos de 4 horas, em cidades próximas ao local onde ocorreu a possível perseguição.

“De fato há um risco, estamos atentos para a possibilidade de novos ataques depois do que aconteceu. Orientamos então que eles fossem até o GPM [Grupamento de Polícia Militar] de Cabeceiras para esperar o apoio das viaturas de Campo Maior”, declarou.

Em seguida, duas viaturas acompanharam o carro-forte até o local de destino e o veículo suspeito ainda não foi localizado. “Eles não conseguiram ver dentro do veículo quem estava ocupando, porque os vidros eram muito escuros, segundo eles”, finalizou o comandante.

Foto destaques 

Bandidos explodiram carro-forte no Piauí (Foto: Reprodução)

Dois carros-fortes foram explodidos na tarde da segunda-feira (19), um deles entre o povoado Estaca Zero e o município de Lagoinha do Piauí, na BR-343, no Sul do Piauí. O outro ataque foi registrado entre Altos e Campo Maior, no KM 292. Na ação, quatro seguranças foram baleados e, segundo a polícia, de apenas um dos carros-fortes os bandidos levaram R$ 1,2 mil. Ninguém foi preso até o momento.

Fonte: G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Anuncio google