13/01/2018

Policia Militar repudia apresentador da TV Antena 10 após declarações ao vivo


Uma polêmica entre o apresentador da TV Antena 10 Arnaldo Ribeiro e a Polícia Militar do Piauí fez as duas instituições se manifestarem publicamente sobre o caso.


A PM divulgou uma nota de repúdio contra o âncora do programa Cidade Alerta Piauí e coube a afiliada Record pedir desculpas.

Tudo começou quando Arnaldo criticou alguns policiais militares que estão na corporação, mas agem de forma indevida. O apresentador mandou esses policiais para o inferno, os chamou de 'bostinhas', e o que era para ser uma ofensa isolada, acabou afetando toda a corporação.

Nesta sexta-feira (12/01) a PM divulgou uma nota de repúdio contra ele e ''as insensatas e infelizes declarações proferidas ...Motivadas tão somente pela suposta recusa de policiais militares concederem entrevista, enquanto desempenhavam a sagrada missão de defesa da sociedade''.

CONFIRA A NOTA DA PM-PI NA ÍNTEGRA

É com muita indignação que a Polícia Militar do Piauí, instituição secular responsável pela preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio, conhecida como Guardiã da Sociedade, vem a público, veementemente, manifestar a presente Nota de Repúdio contra as insensatas e infelizes declarações proferidas pelo jornalista ARNALDO RIBEIRO da TV Antena 10, afiliada da Rede Record de Televisão, durante a exibição do Programa Policial “Cidade Alerta Piauí”, veiculado em 11.01.2018, motivadas tão somente pela suposta recusa de policiais militares concederem entrevista, enquanto desempenhavam a sagrada missão de defesa da sociedade.

Jamais poderia ocorrer tamanha insensatez, pois num estado democrático de direito somos conscientes que não há qualquer direito ou garantia absolutos e todos, inclusive a liberdade de imprensa, comporta ponderações quando em cotejo com os demais, notadamente a intimidade, a privacidade e o interesse público, dentre tantos outros.

Não há no Estado instituição tão presente na vida da população quanto a Polícia Militar, capilarizada em todos os seus 224 municípios, com a presença de abnegados policiais militares que não medem esforços para proteger as famílias piauienses, mesmo com o risco da própria vida. A Instituição Polícia Militar e seus integrantes, Oficiais e Praças, merecem o respeito social, porque trabalham todos os dias para isso, diga-se mais uma vez, mesmo com o risco da própria vida.

Sempre tivemos excelentes relações com os profissionais da imprensa e somos conscientes que se trata de fato isolado, mas desvios profissionais e éticos, contrários ao exercício de qualquer profissão, jamais serão tolerados, dirigidos à Polícia Militar e a seus integrantes ou não.

Por fim, o Comando da Instituição se solidariza com todos os policiais militares e assevera mais uma vez, que é direito de qualquer de seus integrantes optar pelo momento ou pela negativa de se manifestar, nos limites já definidos pela Corporação, nos assuntos relacionados às ocorrências policiais militares, sempre tendo como parâmetro respeito às liberdades e garantias individuais de qualquer cidadão ou categoria profissional.

Quartel do Comando Geral, em Teresina-PI, 12 de janeiro de 2018

CARLOS AUGUSTO GOMES DE SOUZA - Coronel PM 
Comandante-Geral da PMPI



No mesmo dia a TV Antena 10 divulgou um editorial pedindo desculpas pela atitude do apresentador, pois, após as primeiras declarações, policiais teriam se recusado a dar entrevista para a TV Antena 10, que irritou mais ainda Arnaldo, que mais uma vez falou contra ele ao vivo.



VEJA O EDITORIAL DA TV ANTENA 10

EDITORIAL
A TV ANTENA 10, face a polêmica que se estabeleceu ao final da tarde de ontem, onde o apresentador Arnaldo Ribeiro fez críticas muito fortes contra policiais que estariam se negando a conceder entrevistas a nossas reportagens, ainda como retaliação a críticas anteriores relacionadas aos fatos graves que envolveram isoladamente alguns policiais militares, vem a público esclarecer :

A TV ANTENA 10 não orienta, não estimula e refuta toda e qualquer ação discriminatória, de ataque a honra pessoal ou institucional a quem quer que seja .

No caso específico da corporação Polícia militar do Piauí , a Tv Antena 10 reitera seu mais profundo respeito a mesma e a esmagadora maioria dos seus membros.

A TV ANTENA 10 tem nas polícias militar e civil as suas mais fiéis parceiras na divulgação e combate a criminalidade , sendo portanto uma relação amistosa , respeitosa e construtiva.

O episódio isolado, de crítica e de confronto, estabelecido pelo apresentador Arnaldo Ribeiro foi fruto de uma reação a outras críticas reiteradas, insistentemente divulgadas em redes sociais, feitas por alguns policiais militares que se sentiram atingidos, mesmo que indiretamente, pelas denúncias recentes feitas por nosso jornalismo .

Pelo episódio de ontem, pedimos desculpas a sociedade e também a corporação Polícia militar, assumindo o compromisso de sermos mais vigilantes aos manifestos dos nossos apresentadores.

Por outro lado, ressaltamos que não deixaremos de ser igualmente vigilantes aos abusos que, porventura, venham a ser praticados no âmbito de toda a sociedade , seja por quem for.

O nosso papel de imprensa livre e responsável será sempre preservado, em favor de uma sociedade cada vez mais justa.

Com esse esclarecimento buscamos encerrar o fatídico episódio e voltar a manter a harmoniosa relação com a gloriosa Polícia Militar do Piauí .

A DIRETORIA



Fonte: 180 Graus/Edição Portal PHB em Nota

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Anuncio google