22/12/2017

Parnahyba vê barreiras em transferência de Codó e crê em desistência: "Muito remota"

Batista Filho reduz expectativas de contar com centroavante anunciado, revela contrato de atacante com clube do exterior e põe despesas com taxas e registro junto à FIFA como entrave: "Muito, muito caras"

Diretoria do Tubarão suspende temporariamnete chegada de Célio Codó (Foto: Renan Morais/GloboEsporte.com)

De repente, o Parnahyba se viu envolto em mais um problema. Depois de anunciar o atacante Célio Codó, o clube descobriu que o ex-jogador de River-PI e Campinense possui vínculo com um clube dos Emirados Árabes. A inexistência de registro de transferência internacional do Tubarão junto à FIFA e os altos custos com as taxas dessa transação passaram a ser encarados pelo presidente Batista Filho como uma enorme barreira para concretizar a aquisição. O centroavante era esperado na quarta, no CT Petrônio Portela, em Parnaíba, mas a diretoria suspendeu temporariamente a chegada do atleta maranhense.


- Nós acertamos com ele. Para nossa surpresa, ele está jncado a um clube do exterior até 2019 é isso dificultou a vida dele. Estamos vendo com a federação se há a possibilidade de ser feito esse contrato. Se não, vamos liberar o atleta para ele seguir sua carreira. É a questão das despesas. Muito, muito caras. Se forem as despesas que foram informadas, vamos abrir mão é ir atrás de outro atleta - explicou Batista.

Apesar da surpresa com os detalhes do trâmite que terá que enfrentar para ter Célio Codó, o Parnahyba ainda fez uma investida. O clube acionou a Federação de Futebol do Piauí para obter o registro de transferências internacional, mas a documentação só deve ficar pronta no início de janeiro, após o recesso de fim de ano da FIFA. Esse meio-tempo, segundo Batista Filho, tem ajudado a cúpula azulina a repensar a contratação.

Em mais um entrave, Batista Filho revela dificuldades em contratação do atacante (Foto: Renan Morais/GloboEsporte.com)

- Fizemos contato com ele e pedimos para segurar. Vejo como remota essa vinda. Quase 90% de chance de não vir - completou o cartola.

Com a ausência de Célio Codó, o técnico Sérgio China trabalha na pré-temporada apenas com os atacantes Fabinho, Jânio Daniel, Puxinha e Felipe Garcês - nenhum com as características de Codó. Forte candidato ao título estadual, o Parnahyba entra em campo pelo Campeonato Piauiense, dia 21 de janeiro, diante do Flamengo-PI, no estádio Verdinho, no litoral do estado.

Fonte: GloboEsporte.com, Piauí

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Anuncio google