22/11/2017

Secretaria denuncia ação de grileiros em área de ponto turístico em cidade do Piauí

Invasão de terras às margens da Barragem do Bezerro, no município de José de Freitas


A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Turismo (SEMAT) do município de José de Freitas, juntamente com a Policia Civil, constataram o uso indevido de terras às margens da Barragem do Bezerro. A área invadida é de propriedade do Estado e é considerada uma área de preservação permanente (APP). Além disso, a invasão da área destruiu as matas ciliares do riacho do Bezerro e centenas de árvores nativas como a carnaúba, utilizando de queimadas criminosas.

Além da invasão a propriedade o responsável pelo crime deverá responder ao corte de mais de 500 carnaúbas, ao desmatamento ilegal das matas ciliares do riacho do Bezerro, dentre outros crimes ambientais.

O delegado Divanilson Sena esteve junto de sua equipe do 17º DP acompanhando a visita ao local. Foi também constatado cerca de 30 gados marcados com as letras JD, que devem identificar as iniciais do nome ou dos nomes dos supostos invasores.


O Secretário de Meio Ambiente e Turismo, Fernando Freitas está organizando uma reunião com o Ministério Público, Polícia Civil e Associação de Moradores do bairro Marmelada para tratar do assunto das invasões. O secretário alerta ainda, que “o entorno da Barragem do Bezerro está tomado por invasões, inclusive o próprio paredão da Barragem”.


Fonte: Realidade em Foco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Anuncio google