02/10/2017

CIPTUR efetua prisões por conta de bebedeira em bares de Luis Correia


Nesta tarde de domingo(1º), uma guarnição da Companhia Independente de Policiamento Turístico coordenada pelo sargento Andrade, foi acionada para atender uma ocorrência de vias de fato no bairro Beira-Mar em Luis Correia.

Ao chegar no local, a polícia se deparou com o pescador Domingos Sávio Teixeira de Souza, que tinha acabado de se envolver numa luta corporal contra Jean Carlos Araújo da Silva, que saiu lesionado no rosto ao ser atingido com golpe de faca.

O acusado também foi ferido na briga ao ser lesionado no braço esquerdo com um gargalo de vidro. O fato ocorreu próximo em um bar próximo ao porto do buraco, no bairro acima mencionado.

Uma faca foi apreendida em posse de Domingos Teixeira.

Acusado e vítima foram levados para o hospital e na sequencia para central de flagrantes em Parnaíba. O delegado Rodrigo Mello mandou que fosse lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência(TCO) em torno do caso.

O acusado pernoitou no xadrez, assinou a nota de culpa e liberado da detenção nesta manhã de segunda-feira(02).

BADERNA E RESISTÊNCIA À PRISÃO NA ORLA DA ATALAIA


José Carlos de Barros, de 51 anos, residente no bairro Santa Luzia em Luis Correia, foi preso por volta das 18hs deste domingo(1º), acusado de fazer baderna no restaurante Galeno na praia de Atalaia.

Uma guarnição da CIPTUR composta pelo sargento Andrade, cabo Herbert e soldado Rodrigues, tiveram de usar a força para dominar o acusado, pelo de ter resistido a ordem de prisão. O caso foi levado para central de flagrantes.

José Barros pernoitou no xadrez e liberado na manhã de hoje(02/10).

Fonte: Portal Catita

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Curta