20/10/2017

Ações contra o feminicídio ajudam o Piauí a receber três projetos anti-violência

Os projetos desenvolvidos contra o feminicídio credenciaram o governo do Estado a receber três projetos de combate 
a violência contra a mulher. 

O Piauí foi contemplado a partir do desenvolvimento de estudos de metodologia investigatória na perspectiva de gênero com enfoque no feminicídio, desenvolvidos pelo Núcleo de Estudo e Pesquisa em Violência de Gênero da Polícia Civil do Piauí (NUCEPEVIGE). Os três projetos podem trazer política de segurança aos direitos da mulher.

O Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP), com apoio da Embaixada Britânica, realizará nos dias 23 e 24 deste mês, em Teresina, o primeiro projeto por meio do "Workshop especial para policiais e guardas municipais: Mulheres em situação de violência e o papel dos profissionais de segurança pública", sob coordenação da Prof.ª Fiona Macaulay (Universidade de Bradford/ Reino Unido), da Juliana Martins (USP) e da secretária executiva do FBSP, Samira Bueno.

O workshop com oficinas interativas acontecerá nesta segunda-feira, dia 23, no auditório do campus Torquato Neto da UESPI, das 9h às 18h. A vice-governadora Margarete Coelho será responsável por realizar abertura das atividades.

Além desta ação, acontecerá a promoção de um intercâmbio de dez dias em Londres para o Governo do Estado do Piauí conhecer a metodologia Britância e apresentar a metodologia desenvolvida pela segurança pública no Núcleo de Estudo e Pesquisa em Violência de Gênero da Polícia Civil do Piauí (NUCEPEVIGE) e Núcleo de Femínicidio. Paralelo a isso, ocorrerá também a realização de pesquisas de opinião qualitativas e quantitativas por meio do Instituto Patrícia Galvão e o Banco Mundial.

A vice-governadora Margarete Coelho e a diretora de Gestão Interna, Eugênia Villa, celebram a notícia do projetos, anunciadas nesta quinta-feira (19), Dia do Piauí, durante o MiniLaboratório Social de iniciativa do Instituto Avon, em São Paulo. As gestoras participam da segunda etapa do MiniLaboratório, onde acontece oficinas que abordam o problema da violência contra a mulher a partir de uma visão sistêmica buscando estabelecer entre os membros um espaço de diálogo contínuo, de aprofundamento e convergência de ações estratégicas no enfrentamento e prevenção da violência contra a mulher.

Segundo a vice-governadora, o motivo do Piauí ter sido contemplado com três projetos importante se dá por conta da metodologia de investigação e transparência do dados de violencia contra a mulher. “O Piauí foi o primeiro estado da federação a criar um Núcleo de Investigação de Feminicídio, com o diferencial de apurar também casos relacionados a questões de gênero. Foi também um dos estados que prontamente aderiram às Diretrizes Nacionais para Investigar, Processar e Julgar com Perspectiva de Gênero as Mortes Violentas de Mulheres –Feminicídios”, disse.

A diretora de Gestão Interna da SSP, Eugênia Villa, explica que a realização do primeiro projeto será concentrado na capital, com o workshop direcionado a policiais militares, policiais civis e guardas civis municipais que tenham interesse em atuarem como multiplicadores, que trabalhem na formação ou áreas relacionadas ou que atuem diretamente no atendimento das mulheres vítimas de violência. A atividade é uma parceria com o Fórum Brasieiro de Segurança Pública, a Secretaria de Segurança Pública e o Núcleo Permanente Interdisciplinar em Direitos Humanos (NUPIDH) da Universidade Estadual do Piauí (UESPI).



“O Piauí consegue dar mais um importante passo. Vamos receber pesquisadoras renomadas nacionalmente e internacionalmente, onde elas irão conhecer in loco as nossas unidades policiais; discutir o papel dos profissionais de segurança pública no enfrentamento dessa violência, ao mesmo tempo em que irão preparar para atuarem como multiplicadores no campo da formação em violência de gênero e violência contra a mulher”, conclui Eugênia Villa.

Da Redação
redacao@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Curta