10/09/2017

Suspeito de estupro sequestrado no Piauí foge de cativeiro em Pernambuco e diz que foi torturado

Foto: Cidade na Net

O suspeito de estupro sequestrado na madrugada da última sexta-feira (8) conseguiu voltar para casa com vida. Raimundo Francisco da Silva, conhecido como Raimundo Castelo, 31 anos, foi levado de casa no Sul do Piauí e afirmou, em depoimento, ter sido torturado no interior de Pernambuco. A Polícia Civil investiga se o ato foi motivado por vingança. 

O delegado Miguel Carneiro, titular da Delegacia Regional de Jaicós (PI), ouviu o depoimento de Raimundo neste sábado (9) e constatou que ele apresentava marcas de agressão. O exame de corpo de delito foi solicitado. Raimundo afirmou ter conseguido fugir sozinho do cativeiro e retornou para casa, em um povoado do município de Francisco Macedo, 319 quilômetros ao Sul de Teresina (PI). 

"Ele disse que foi levado para um lugar que ele não sabe onde era. Chegando lá, dois homens encapuzados teriam pego um litro de gasolina e colocado perto dele. Ele conseguiu se desvencilhar e correu", disse o delegado ao Cidadeverde.com. Raimundo relatou que atiraram contra ele, mas não teria sido atingido por nenhuma bala. Ele disse ter chegado a uma cidade que não conhece, e de lá conseguiu ir até Petrolina (PE), onde entrou em uma van que o levou para o Piauí.

Raimundo foi preso em agosto por tentativa de estupro e já cumpriu pena por homicídio, cometido com um facão. A família temia que ele já tivesse sido assassinado, desde quando o mesmo foi levado de casa por homens encapuzados.

O delegado Miguel Carneiro informou que não pode dar mais detalhes sobre o depoimento de Raimundo para não atrapalhar as investigações. 

Delegado Miguel Carneiro investiga o caso

Fábio Lima
fabiolima@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Curta