06/07/2017

Suspeito de matar namorada de rival se entrega no PI


O suspeito de matar Thais Naira Menezes Gomes, de 17 anos, morta com quatro disparos de arma de fogo, em Altos, no dia 27 de junho, se apresentou à polícia na tarde desta quarta-feira (5). Acompanhado do advogado, João Alves Maciel Neto, de 27 anos, se entregou no 14º Distrito Policial de Altos.

Thais estava com o namorado, identificado como Eduardo de Sousa, conhecido como “Junior Cuando”, em um bar quando uma dupla, em uma motocicleta, abordou o casal e fez os disparos. O alvo era o namorado, que conseguiu fugir dos disparos. Eduardo levou um tiro no braço, foi socorrido e não corre risco de morte.

"Desde o início a gente já estava com a autoria identificada. O Eduardo conhecia o João Neto e logo em seguida ao crime ele foi à delegacia e já declinou o nome dele como sendo o autor dos disparos", disse o gerente de policiamento metropolitano da Polícia Civil, o delegado Lucy Keiko.

Segundo ele, resta identificar o piloto da motocicleta que ainda se encontra foragido. A motivação do crime seria vingança por uma suposta delação de Eduardo sobre um crime que teria sido cometido por João Neto.

"Eduardo teria declinado João Neto como autor de um crime contra o patrimonio em Altos, ele não gostou e foi se vingar e matou a namorada de Eduardo de nome Thais", explicou o delegado.

O crime
João Neto, reconhecido pelas tatuagens, chamou Eduardo para conversar quando começou a atirar. Ele correu e sua namorada ficou na linha de tiro, sendo atinjida por 4 disparos.

Da Redação
redacao@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Curta