29/07/2017

Preso segundo suspeito de matar capitão da PM do Piauí durante assalto em Timon

Segundo as investigações, o policial reagiu ao assalto quando almoçava em um restante na cidade de Timon, no Maranhão. 

 
Capitão da PM-PI, Antônio Carlos Pinto de Farias (Foto: Digulgação/Polícia Militar) 

O segundo suspeito de matar o capitão da Polícia Militar do Piauí Antônio Carlos Pinto de Farias foi preso na noite dessa sexta-feira (28) em Timon, no Maranhão. Segundo o delegado George Tales, o jovem de 19 anos se apresentou na Central de Flagrantes da cidade, mas negou participação no assalto, que resultou na morte do policial. 

"Ele disse que decidiu se entregar, porque a polícia estava atrás dele e chegou a passar dois dias escondido com medo. O suspeito contou que no momento do crime estava na Ceasa de Timon e só depois foi até o local do assalto, que resultou na morte do policial", revelou o delegado. 

O policial morreu com um tiro na cabeça na quarta-feira (26) após reagir um assalto, quando almoçava em um restaurante na Avenida Presidente Médici, no Centro de Timon. Na troca de tiros, o policial atingiu um dos suspeitos nas costas, que foi levado ao hospital, enquanto o outro conseguiu fugir. 

Para George Tales, o jovem preso seria o suspeito que deu suporte ao assalto e fugiu de moto. Ele foi ouvido na delegacia de Timon e o depoimento será encaminhado para o 1º Distrito Policial de Timon, responsável pelas investigações. 

"Após ouvir ele, verificamos que havia um mandado de prisão em aberto contra o suspeito pelo crime de roubo e o mesmo foi condenado a 5 anos e 4 meses pelo juiz da 8ª Vara Criminal de Teresina. Diante disso, o suspeito foi encaminhado para Central de Flagrantes de Teresina", acrescentou o delegado.

Fonte: G1 PI 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Curta