06/06/2017

População fez protesto após morte de homem em grupamento da PM-PI


Um protesto foi realizado no município de Redenção do Gurgueia após a morte Marcelo Ribeiro Costa, de 31 anos, dentro de um Grupamento da Polícia Militar, por volta de 2h desta segunda-feira (05/06). 'Marcelo Onça', como era conhecido, foi preso, conduzido à ao GPM e foi morto com um tiro na cabeça. A suspeita é que um policial teria efetuado o disparo após ele resistir à prisão.

Na versão da PM, teria ocorrido uma possível luta corporal no momento em que Marcelo seria transferido para a delegacia de Bom Jesus. Vizinhos e populares contestam essa informação e afirmam que o homem foi assassinado. Relatam ainda que espancamentos a presos são rotineiros na cidade e exigem a mudança dos policiais e que a justiça seja feita neste caso. 

O clima segue bastante apreensivo no município. Houve manifestações durante todo o dia e seguiram durante a noite. Tentaram até depredar e atear fogo na sede do grupamento.

Segundo o delegado Aldely Fontineli, a Polícia Civil intensifica seus trabalhos com o intuito de elucidar o homicídio ocorrido no Grupamento de Polícia Militar de Redenção. Algumas testemunhas foram ouvidas e um dos policiais militares envolvidos também. As armas deverão ser recolhidas e submetidas à perícia o quanto antes. O outro policial militar deve se apresentar até quarta-feira e esclarecer pontos ainda obscuros da investigação. O inquérito policial deve ser instaurado mediante portaria e a Corregedoria da Polícia Militar deve ser acionada para apurar as responsabilidades administrativas dos policiais militares. 

Fonte: Com informações do Portal B1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Curta