09/06/2017

Mão Santa diz que vai pedir ajuda a Florentino Neto para conclusão da UPA de Parnaíba


O prefeito de Parnaíba, Mão Santa, disse ontem que está pedindo a ajuda do secretário estadual de saúde, Florentino Neto, para que possa concluir as obras da UPA 24 horas de Parnaíba, que estão paralisadas também por conta de um débito junto à empresa responsável pela construção de sua estrutura física. 

“Ficou um débito de quase 600 mil reais que a Prefeitura não pagou. E eu enviei uma carta ao secretário de saúde, pedindo a contribuição do Estado e que ele (Florentino Neto) entre em contato com o engenheiro Eduardo Sampaio, para sanar este débito, porque queremos concluir a UPA para inaugurar em agosto”, disse Mão Santa. Ele informou ainda que o secretário de saúde Valdir Aragão e o técnico daquela secretaria, Carlos Barros, foram a Teresina levando a correspondência. “Mas estamos abertos a dialogar com o secretário”, pontuou o prefeito. 


No início de março o prefeito Mão Santa e o secretário Valdir Aragão estiveram em Brasília, com o ministro da saúde, Ricardo Barros, pedindo a readequação da Unidade de Pronto Atendimento de Parnaíba (UPA), porque a ela deveria ser tipo 2 e não categoria 3, como foi construída a unidade de Parnaíba pela gestão passada. 

Foi exatamente esse erro de classificação que impediu que a obra fosse concluída e colocada para funcionar, pois o município não tem condições financeiras de manter uma UPA padrão 3. O ministro entendeu que a UPA de Parnaíba deve ser readequada para tipo 2 e deu o aval para secretário e prefeito da cidade darem prosseguimento ao projeto. 

“Esperamos que o ex-prefeito e agora secretário de saúde, Florentino, que conhece as carências do setor no município, se sensibilize dê sua contribuição, porque aquela estrutura não pode e nem deve constar de lista de obras do governo federal inacabadas”, destacou Mão Santa. 

Juntamente com o secretário de educação, Roger Jacob, o prefeito de Parnaíba viajará para Brasília, no próximo dia 20, para uma audiência com o ministro da educação, José Mendonça Bezerra Filho, com quem tratará de demandas no setor em Parnaíba. “Não tivemos dificuldades em agendar esta audiência porque contamos com a presteza e colaboração do Senador Agripino Maia, com quem tivemos a honra de conviver no Senado Federal”, acrescentou Mão Santa.

Ascom - PMP

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Anuncio google