04/06/2017

Corpo parcialmente carbonizado é achado jogado em vala no Piauí

Moradores encontraram o corpo no final da manhã deste domingo (4) na Rua Projetada, Vila Mandacarú. 

Parente da vítima esteve no IML de Teresina e falou com a reportagem (Foto: Catarina Costa/G1) 

O corpo de um homem de 33 anos de idade, segundo a polícia, foi encontrado por moradores na Rua Projetada da Vila Mandacarú, Zona Sudeste de Teresina, no final da manhã deste domingo (4). De acordo com o delegado Francisco Barêtta, coordenador da Delegacia de Homicídios, a vítima era usuária de drogas e a polícia agora investiga se o crime foi motivado por acerto de contas. 

“Familiares relataram que ele usava drogas e vivia transitando por essa região onde ocorreu o crime. Fica próximo ao bairro São João e por lá há várias bocas de fumo, ponto de venda de drogas. Vamos apurar se pode ter sido acerto de contas ou se ele foi morto por ser testemunha de algum crime”, falou. 

Os moradores avistaram o corpo jogado em uma vala por trás de um ginásio esportivo e acionaram a polícia. A vítima apresentava o corpo parcialmente carbonizado e a perícia ainda não constatou qual instrumento foi usado no crime. 

“Como o corpo estava parcialmente carbonizado, o perito só começa a examinar o corpo após algum familiar fazer o reconhecimento. Somente agora lá no IML é que se vai poder identificar qual instrumento foi usado no crime, se ele foi morto antes de ser queimado ou se ainda estava vivo quando atearam fogo. Vizinhos relataram que ouviram disparos, mas tudo ainda será esclarecido”, completou o delegado. 

Ainda conforme o delegado, a Delegacia de Homícidios também irá averiguar se esse caso pode ter alguma relação com o homicídio registrado no sábado (3), quando o corpo de um homem foi encontrado próximo à Avenida Cajuína enrolado em um carpete. 

“Nesse caso de sábado já sabemos que houve a tentativa de ocultação de cadáver, pois mataram a pessoa e colocaram o corpo em uma carroça para depois jogar nesse matagal. Há testemunhas oculares e já trabalhamos com alguns suspeitos desse crime”, falou Barêtta.

Fonte: G1 PI 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Curta