24/03/2017

Confiança do comércio chega ao maior nível desde 2015

Pesquisa mostra que empresários estão mais confiantes na economia, na própria empresa e nas vendas

Expectativa é de aumento de consumidores nas lojas
Andre Borges/Agência Brasília
Com a melhora da economia e diante de expectativas favoráveis para o País, a confiança dos comerciantes chegou ao maior nível em mais de dois anos.

Em março, o indicador chegou a 99,9 pontos (sem ajuste sazonal), alcançando o maior nível dos últimos dois anos. Na série que corrige distorções, o índice que mede essa percepção chegou aos 100,74 pontos, número 6,4% maior que o de fevereiro e 23,6% superior ao mesmo mês de 2016.

Os dados são da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e foram divulgados nesta quinta-feira (23). Segundo a pesquisa, a percepção do comerciante em relação às condições atuais, ao desempenho do comércio e da própria empresa influenciaram esse resultado positivo.

“A menor pressão sobre os preços do varejo e a taxa de juros em queda têm estimulado a confiança”, avaliou a economista da CNC, Izis Ferreira. “A liberação das contas inativas do FGTS é outro aspecto positivo para aliviar. Em um primeiro momento, o comprometimento da renda das famílias com dívidas deve diminuir”, ponderou.

Avanço do comércio
Desde fevereiro de 2015, o mês de março não apresentava o indicador de confiança acima dos 100 pontos, considerada a linha de indiferença. Semelhante a um termômetro, sempre que essa pontuação supera aos 100, significa aumento da confiança.

As perspectivas de investimento também avançaram no mês, alcançando os 84,1 pontos depois de crescer 3,2%. Os comerciantes estão mais otimistas com investimentos na empresa, na contratação de funcionários e na formação de estoques.

Para essa edição da pesquisa, a CNC coletou dados junto a seis mil empresas em todas as capitais do País. O índice é divulgado mensalmente e vai de zero a 200.

Fonte: Portal Brasil, com informações da CNC

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Curta