12/03/2017

Casarão histórico corre risco de desabar no Sul do Estado


Tânia Martins 

Um dos mais antigos e importantes monumentos históricos do Piauí pode se tornar um monte de escombros. Trata-se da sede da Fazenda Serra Negra, localizada na divisa dos municípios de Santa Cruz dos Milagres e Aroazes. A construção é datada de 1766 e tombada pelo Patrimônio Histórico do Estado. 

Atualmente, devido às chuvas na região, a estrutura do patrimônio ficou ainda mais comprometida. Segundo o ex-prefeito de Aroazes, Neto Minervino, muito já foi perdido da construção original e caso não haja uma interferência urgente o casarão vai desabar e com ele muitos fatos que marcaram a história do Piauí, assim como mistérios e lendas que existem por trás da fazenda. 


Tânia Martins 

Para muitos a Fazenda Serra Negra foi um lugar de acontecimentos tristes como crimes e castigos praticados por Luis Carlos Pereira de Abreu Barcelar, coronel e senhor de escravos dono da propriedade. Conta à estória oral que o fazendeiro praticou muitas torturas, inclusive serrou uma escrava negra que deu origem ao nome da propriedade. Dizem também que o coronel mantinha em currais algumas onças para devorar escravos ou desafetos que lhe aborrecesse. 

As informações sobre o temido coronel ainda hoje repercute e muita gente que mora na região não frequenta o lugar porque, dizem, é mal assombrado pelos espíritos de escravos que foram torturados e tiveram mortes trágicas. 


Tânia Martins 

Contam ainda que a morte do coronel Luis Carlos também foi cercada de mistérios uma vez que ao ser assassinado numa emboscada seu corpo nunca foi encontrado. 

O governo do Estado informou que o casarão é de propriedade de empresa privada e que já notificou os responsáveis para a manutenção do prédio histórico. 

Da Redação
redacao@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Curta